A vitamina c é essencial à saúde? Entenda mais sobre o nutriente

As vitaminas são substâncias orgânicas, que agem em pequenas doses no organismo, não agregam valor calórico á alimentação, mas possuem a finalidade de providenciar o crescimento e manter a vida.

A vitamina C foi descoberta há muitos anos, quando estudavam a substância existente nas frutas e verduras que impediam a proliferação de uma grave doença em marinheiros, o escorbuto. Em longas viagens, os marinheiros alimentavam-se basicamente de pão, carne e rum. Não havia frutas, legumes e vegetais, a não ser para os tripulantes de alta patente. Notou-se então que muitos marinheiros estavam morrendo com a doença, que os deixavam fracos, com hemorragias e graves quedas imunológicas, enquanto os marinheiros bem alimentados, com frutas e vegetais, tinham sua saúde intacta. Assim surgiu o nome ácido ascórbico, que foi dado a tal substância, a vitamina C.

Hoje, é comprovado que a ingestão de vitamina C é algo vital para os seres humanos. Ela é um dos mais importantes antioxidantes encontrados nos alimentos, combatendo os efeitos danosos dos radicais livres sobre organismo. Além disso, age como fator imunológico por ser um regulador muito eficiente do sistema de defesa do corpo e participa dos processos de absorção de outros nutrientes.

A vitamina C pode ser encontrada em abundância em alimentos como: laranja, acerola, kiwi, goiaba, morango, limão, couve, tomate, mamão, pimentão, brócolis e muitos outros…

Como os idosos possuem uma fisiologia distinta dos adultos, suas reservas nutricionais são perdidas e ocorre a perda da capacidade de adaptação ao meio, o que os torna pessoas mais vulneráveis ás agressões do meio externo. Estão mais expostos a alterações em seu equilíbrio nutricional, como carências de vitaminas e minerais, baixa ingestão de proteínas e calorias e quedas na imunidade, devido ao déficit na alimentação.

Por isso, recomenda-se que o idoso mantenha sempre uma alimentação variada e rica em vitaminas, minerais, no quesito energético e também em sua composição nutricional. E para as pessoas que ainda não atingiram a terceira idade, a recomendação é a mesma, assim é possível envelhecer de uma maneira saudável, deixando o corpo mais preparado para as mudanças fisiológicas do futuro.

Por Jacqueline Petra Ferreira

Comments are closed.