Você sabe a diferença entre alergia à proteína do leite e intolerância à lactose?

Você sabe a diferença entre alergia à proteína do leite e intolerância à lactose? Saiba como não confundir:

Alergia a proteína do leite

A alergia alimentar atinge o sistema imunológico, desencadeia mecanismos de ação contra o antígeno causador e gera sinais e sintomas após a ingestão ou o contato com o alimento. O agente causador é encontrado principalmente em leite e seus derivados. É uma doença com característica de herança poligênica, transmitida pelos genes dos pais, presente em 50 a 80% das crianças com histórico familiar. É uma doença de fácil e rápido diagnostico, considerando que bebês se alimentam apenas de leite, o diagnóstico é feito logo nos primeiros meses de vida.

No caso da alergia a proteína do leite, a proteína não é reconhecida pelo sistema imunológico, provocando assim o desenvolvimento de alergias. As reações alérgicas podem ser imediatas, quando a manifestação clínica é precoce, aparecendo de minutos até oito horas após o contato com o alimento, ou podem ser tardias, aparecendo de duas horas a três dias após o contato com o alimento.

Os sinais e sintomas característicos da alergia a proteína do leite são hipersensibilidade gastrointestinal, náuseas, vômitos, dores abdominais, diarreia, desnutrição, má absorção intestinal, coceira e manchas na pele.

Intolerância a lactose

As intolerâncias alimentares são qualquer resposta diferente a um aditivo ou alimento, sem nenhuma intervenção imunológica. Essa resposta pode ser acionada pela toxina liberada por bactérias ou fungos, por ação de medicamentos ou deficiência enzimática. Quase 75% da população mundial e 27 milhões de brasileiros apresentam intolerância a lactose.

É uma doença caracterizada pela falta de ação da enzima lactase, responsável pela digestão da lactose, que é conhecida popularmente como “o açúcar do leite” por ser um tipo de carboidrato. Diferente do alérgico a proteína do leite, o intolerante deve evitar a ingestão do carboidrato em questão.

Em alguns casos, o indivíduo consegue tolerar pequenas doses de lactose, nesses casos, os sinais e sintomas da intolerância a lactose são basicamente flatulência, distensão e dores abdominais. Porém algumas pessoas possuem intolerância total, dessa forma, além dos sintomas já ditos, elas também apresentam crises de diarreia.

Comments are closed.