10 filmes que mostram que a maturidade é a melhor fase da vida

Com o passar dos anos aprendemos a apreciar os momentos que temos sozinhos. Ficar em casa não é mais um problema, é a solução. Curtir a própria companhia e assitir um bom filme é uma ótima atividade para o final de semana. Pensando nisso listamos 10 filmes que mostram como a maturidade pode ser a melhor fase da vida.

1-  A Última Viagem a Vegas (2013 –Estados Unidos)

Billy (Michael Douglas), Paddy (Robert De Niro), Archie (Morgan Freeman) e Sam (Kevin Kline) são amigos desde a infância e hoje são senhores de idade. Quando Billy, o solteirão do grupo, decide enfim pedir em casamento sua namorada de trinta e poucos anos, ele e os amigos resolvem viajar até Las Vegas para reviver a juventude e curtir uma tremenda despedida de solteiro. O que eles não imaginavam é que a Las Vegas atual seria bem diferente da cidade que eles conheceram décadas atrás.

2- Antes de Partir (2007 – Estados Unidos)

Nicholson vive Edward Cole, milionário gestor de hospitais. Freeman é Carter Chambers, um mecânico que abandonou seus sonhos de juventude quando a namorada engravidou. Os dois têm poucos meses de vida quando seus caminhos se cruzam e passam a dividir o mesmo quarto no hospital. Edward convence Carter a botar em prática uma lista de desejos engavetados, um filme que ensina a acreditar nos sonhos.

3-  Chega de Saudade(2008 – Brasil)

O filme é uma reflexão sobre o desejo de viver e de se divertir de um grupo de pessoas mais velhas. Estão ali a idosa com Mal de Alzheimer (Tônia Carrero), a mulher de meia idade que aceita um caso romântico incerto (Cássia Kiss), a rejeitada (Betty Faria), o velho mau humorado mas apaixonado (Leonardo Vilar). Todos num salão de baile em que, através da dança, se revelam alegria, ciúme, frustração, flerte , amizade e mostram que o direito de ser feliz é de todos.

4- E se vivêssemos todos juntos? (2011 – França e Alemanha)

Annie, Jean, Claude, Albert e Jeanne estão ligados por uma forte amizade de mais de 40 anos e decidem montar uma espécie de “república”, para envelhecer juntos. O projeto parece loucura, mas a convivência acende as boas lembranças, traz novas perspectivas e novos desafios. O filme também faz uma crítica ácida à geração de adultos que não sabe o que fazer com seus pais velhos.

É um filme divertido apesar de falar de um tema sério. O time de atores de primeira linha torna a obra memorável: Judi Dench, Maggie Smith, Tom Wilkinson, Bill Nighy, entre outros. Um grupo de aposentados britânicos decide “terceirizar” a sua aposentadoria para a Índia, menos cara e, cheia de promessas exóticas. Atraídos por anúncios do Hotel Marigold, eles chegam para encontrar no palácio decadente um espelho de suas vidas. Serão transformados por essa experiência, descobrindo que a vida e o amor podem acontecer quando você deixar de viver no passado.

6-  O Quarteto (2012 – Estados Unidos)

O filme é uma comédia dramática que mostra um grupo de músicos aposentados que moram em uma casa de repouso. Quatro hóspedes, famosos cantores de ópera, decidem fazer um concerto em homenagem a Verdi. As limitações da velhice são o foco do filme, que homenageia os artistas e mostra que força e energia não tem idade. O exemplo vem do próprio Dustin Hoffman que, com carreira consagrada como ator, se lança como diretor aos 73 anos.

7- Juventude (2015)

O filme apresenta dois amigos, interpretados por Michael Caine e Harvey Keitel, em situações opostas. Fred Ballinger (Caine) é um compositor e maestro que não pretende voltar aos palcos, apesar de receber um convite da rainha da Inglaterra para se apresentar numa data comemorativa. Mick Boyle (Keitel) é um cineasta rodeado de jovens roteiristas que quer realizar uma última grande obra e parece esbanjar vitalidade. Num hotel de luxo e rodeados de personagens exóticos, eles fazem um balanço de suas vidas.

8- Ensina-me a Viver (1971- EUA)

Harold e Maude formam um estranho casal. Ele é jovem e obcecado pela morte. Ela é uma septuagenária apaixonada pela vida. Harold faz Maude rir com os relatos de seus suicídios fracassados e ela ensina ao jovem algumas lições de vida.
9- Up: Altas Aventuras (2009 – Estado Unidos)
Carl Fredricksen é um vendedor de balões que, aos 78 anos, está prestes a perder a casa em que sempre viveu com sua esposa, a falecida Ellie. Após um incidente, Carl é considerado uma ameaça pública e forçado a ser internado. Para evitar que isto aconteça, ele põe balões em sua casa, fazendo com que ela levante voo. Carl quer viajar para uma floresta na América do Sul, onde ele e Ellie sempre desejaram morar, mas descobre que um problema embarcou junto: Russell, um menino de 8 anos.
10-  A grande beleza (2013 – França)
Em Roma, durante o verão, o escritor Jap Gambardella (Toni Servillo) reflete sobre sua vida. Ele tem 65 anos de idade, e desde o grande sucesso do romance “O Aparelho Humano”, escrito décadas atrás, ele não concluiu nenhum outro livro. Desde então, a vida de Jep se passa entre as festas da alta sociedade, os luxos e privilégios de sua fama. Quando se lembra de um amor inocente da sua juventude, Jep cria forças para mudar sua vida, e talvez voltar a escrever.
Aproveitem os filmes e nos conte o seu preferido!!

Comments are closed.